Visitantes da página

segunda-feira

REFLEXOS E REFLEXÕES.



Vendo sonhos...vendo tudo aquilo que se vende na tevê!
Vendo alma, vendo corpo...vendo sobretudo, tudo aquilo que meus olhos não deveriam ver;
Para ter, para deixar ou ser...para não parar de querer;
Entregas de morte, promessas de vida...
Efeito colateral, afeto moral que ninguém irá dizer;
Levita, ainda que seja com coisa lícita e previamente prescrita...
Se puder, de ódio se abstenha por aquilo que se parece humano demais para cometer enganos...apenas evita!
Diante da maioria, não se perde sua nobreza em misturas heterogêneas indevidas...
Aos poucos, esquece tudo aquilo ao que lhe compele mediocracia, evita todo dano daquilo que a bula não dizia...
Veja que vida despida de artifícios, por si somente ainda vale a pena para ser vivida!
Na paz que se peça, na paz que ainda possa...
Guarda uma prece que omitem as palavras no bolso, renova a face com a água que banha o seu rosto...
Lembra de esquecer aquilo que não presta, desliga e junte as poucas peças que ainda lhe resta...algo além da espera, lhe aguarda mundo afora!
Seja feliz se possível, pois nada lhe assegura além da certeza de agora.


Um comentário:

  1. Tente fazer coisas novas, novos caminhos, espera por novos resultados... teimando e concedendo razão às coisas do passado.
    Desejo, que algo além da boa sorte esteja ao seu lado!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.