Visitantes da página

segunda-feira

Leve onde não pesa.

Isso deveria me alimentar, mas o vazio não é preenchido com meu almoço;
Isso deveria evitar, que uma lágrima teimosa...agora estivesse a rolar pelo meu rosto;
Não se sabe se é lágrima de alegria, não se sabe se é puro desgosto;
Na vida vivo o dia, sobre o que sinto...no semblante hei de ocultar no aparente oposto;
Erotização do romântico, profanação da angelical imagem outrora que se via em um rosto;
Não sei se o problema seria o mundo, talvez seja apenas ponto de vista de um perverso olho;
Me leve então...para onde o que seja leve, não seja simples ilusão e realmente, não pesa;
Leve-me para onde aquilo que seja vital como o ar para respirar, não se peça em reza;
Me leve, mas leve-me assim depressa;
Minhas mãos se cansaram de tocar objetos frios de desejos vazios;
Minha vida se cansou de esperar pelo mar com a certeza de uma represa, mas jamais como um rio;
Lágrima, faça então agora retrocesso...recolha-se para este maldito olho, ordeno-lhe imediato regresso!
Não hei de me lamentar, por aquilo que ainda persisto em desejar...sequer sei se por minha própria vida ainda prezo;
Não sei nada sobre pedir, tampouco saberei sobre fé e milagres...quando há tempos, com Deus não converso;
Sinto que foi à toa meu discurso, sinto que não passou de falácia quando creio não haver mais salvação, sinto que não presto;
Não quero mais nada, deixe-me aqui e esqueça a pressa....
Anjos, vão cantar sua canção de ninar para quem peça por vida, guardem ao menos o réquiem para lamentar por aquele que poderia ter sido, mas passou desapercebido e tão depressa;
Levem-me agora, para meu real ou utópico paraíso, levem-me...para onde deveras lugar de leve atmosfera, leve onde nada pesa.





4 comentários:

  1. Leve...onde, nada pesa. Simples, como quero que seja.

    ResponderExcluir
  2. Profundo e arrepiante, me da um nó na garganta com as palavras intensa tristeza, pedindo aaos anjos que te faça ter uma vida leve e sem mais dor....

    ResponderExcluir
  3. Profundo e arrepiante, me da um nó na garganta com as palavras intensa tristeza, pedindo aaos anjos que te faça ter uma vida leve e sem mais dor....

    ResponderExcluir
  4. Profundo e arrepiante, me da um nó na garganta com as palavras intensa tristeza, pedindo aaos anjos que te faça ter uma vida leve e sem mais dor....

    ResponderExcluir