Visitantes da página

quinta-feira

Seu tempo passou.




O tempo passou, você parece que definitivamente...após tanto me degradar, se degradou;
Lixo sem qualidade, caro objeto e fruto de toda maldade...seu prazo de validade que se parecia de longa vida ou longa morte, se expirou;
Estou no mesmo lugar, o vil objeto de papel fruto de meu suor...com um sorriso estranho a fitar;
Você, já não é mais a mesma...e como uma dama de bordel, com seus encantos e sedução já cansei de me distrair e me encantar;
É sereia que canta com maldade, mas é sereia sem um mar...no entanto, no oceano de minhas próprias lágrimas de amargura, por diversas vezes tentou me afogar;
Febre que passou, doença que se curou...ou definitivamente matou;
Você é algo que ainda resta por aí para tentar, algo que ainda persiste...
Ainda que saiba que remotas serão suas chances contra o imbecil que por tanto tempo traiu e por ti, fez procurar;
Você é algo do passado, e tudo o que seja passado, posso afirmar com veemência que evidentemente já passou;
Você é filme que não mais interessa, algo que se assemelha ao que estraga toda forma de planos...assim como seu prazer tão fugaz, sua arma secreta...sua dose de engano;
Você costumava me chamar em um anoitecer, me conceder nefasto prazer e arrepender-me por estar vivo em um iminente amanhecer;
Vá, desgraçada...vá roubar ao diabo ou a quem lhe queira, para um adjetivo que não seja pejorativo, em um ato de insanidade lhe conceder;
Sua morada, faça onde seja pretérito...onde seja preterida e atenção alguma reste a "damas" malditas, que trazem a um mundo pleno de belezas...desnecessário torpor que se consuma em satânica tristeza;
Você costumava levar de mim, mas hoje, levo consigo um riso de escárnio quando me lembro de ti...
Você costumava ser uma idéia, e como uma idéia que se acende e acesa não deve permanecer...com a brasa deste cigarro que apago contra um muro qualquer, como a bruma do mar há de esvanecer.




2 comentários:

  1. Se teu problema fosse vício, ainda teria conserto..ainda, não seria por completa, como forma desprezível de ser humano...um desperdício!
    Dedicado à todas vadias falsas, sem exceção da..e fora, da minha vida.
    "Mentiras sinceras não me interessam...já não interessam..."

    ResponderExcluir
  2. Você costumava ser uma idéia, e como uma idéia que se acende e acesa não deve permanecer...

    ResponderExcluir