Visitantes da página

sábado

Queimando sem aquecer.








Fogo brando, misto de ódio advindo de toda forma de ultraje e maldita sede por vingança, que queima dentro meu ser;
Fogo feroz...que queima dentro de meu olhar triste, mas minha alma gelada não faz aquecer;
Queime fogo cruel...histórias, avance sem piedade até mesmo sobre doce memórias;
Queime, pois teu propósito é queimar...é fazer tudo aquilo que acende ou apaga, em cinzas se consumar;
Fogo...queime somente o necessário, sobretudo aquilo que não seja digno de se lembrar;
Seja fulgor impiedoso em seu crepitar, seja quente o suficiente para toda forma de malignidade que sobreviva...sufocar;
Fogo, brando ou terrível que somente em um ou dois corpos...esteja a perturbar;
Queime de uma vez por todas, cumpra seu ciclo até que não haja, sequer um brilho remanescente em um relance inocente de um olhar;
Coração não é necessário, em um mundo onde aprendemos desde cedo o que seja indiferença ou simplesmente, o que é ser impiedosos para ferir...machucar;
Fogo fugaz, que destrói em estranho paradoxo, a própria fagulha que és parte de ti e ainda brilhava em meu olhar;
Queime...consuma, toda forma de mentira, toda forma de falsa afeição que persista aqui dentro, ou lá fora neste mundo, a caminhar;
Fogo não terá piedade, fogo não tem sentimento;
Parece ser tal qual ao próprio ser humano que queima sem escrúpulos, e lamenta-se de forma hipócrita por aquilo que resta e seja tão cinzento;
Fogo...aqueça em noites de frio, entretanto, aquela que necessita de amor que não posso agora oferecer, mas está em meu pensamento;
Queime a mim, destrua de uma vez por todas este velho homem jovem...cansado de dar com o rosto no asfalto ou da própria vida, em seu frio cimento;
Fogo brando em meu olhar...seja o suficiente para em nada, em forma de morte que caminha me converter e de uma vez por todas, me anular;
Fogo brando de todo amar...seja suficiente para ser força divina, que possa...daquela que agora chora por me lembrar...
Faça com que ela esqueça, faça abrigo que a aqueça....ou faça-se simplesmente fogo em sua natureza, que a nós dois por nossos pecados mortais, venha para definitivamente matar.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.