Visitantes da página

quinta-feira

Aquilo que fica.









Aquilo que fica, nem sempre deveria permanecer, mas sempre será o que resta;
Aquilo que fica pode ser mais do que tenhas a merecer, ou poderá ser tudo o que não presta;
Aquilo que fica...não se move, não edifica;
Aquele momento onde o sujeito pára pra pensar e a vida siga seu curso natural e prossiga;
Logo adiante, um lugar distante...esperando por aquilo que esteja estático e inerte como um inanimado móvel, esperando por uma eternidade ou por um instante;
Parei para ponderar sobre tudo o que ocorra a despeito ou a respeito de mim;
Esqueci-me de lembrar que aquilo que não se move não verá o próximo horizonte...esqueci-me de lembrar, que aquilo que fica, por vezes decreta seu próprio fim;
Reticências no existir...irá o destino conceder permissão, irá o acaso ou oportunidades simplesmente com nossa inércia consentir?
Aquilo que fica...por vezes ali para o resto de uma vida inútil permanece, mas como estátua jamais se solidifica;
Não será memória para posteridade, não será pleno para seu próprio ego aquele que ouse viver pela alheia ou auto-piedade;
Aquilo que fica, ficará quiçá por uma eternidade a esperar;
Esperar algo que não se sabe ao certo o que seja, esperando algo que jamais saberá se ocorrerá;
Na poeira se perde, no esquecimento fica e de escrever sua própria trajetória, abdica;
Aquilo que fica, ainda que seja boa memória ou breve pausa para o sábio que seu próprio ser retifica;
Deverá ser precisamente cronometrado, precisamente ponderado...pois, memórias deverão se converter em passado e o ser rapidamente se modifica;
Aquilo que permanece parado, vira história a ser esquecida, vira desperdício daquilo que poderia ser ímpar fagulha de vida;
Aquilo que permanece parado, pela própria ação do tempo, converter-se-há em algo cansado, cansativo e naturalmente, pela condição de tudo o que não tenha raízes, esgotado;
Aquilo que parado permanece, se por opção...perece e sequer é digno de qualquer pena ou prece;
Aquilo que fica é resultado daquilo que contra ti conspira...ainda que seja espelho o algoz, ainda que seja o próprio ar infeccioso que se respira.











Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.