Visitantes da página

segunda-feira

Graças e louvores...

Trazer à luz, conceber...dar o direito de nascer ao rebento que está condenado à terra descer;
Seria por capricho do destino? Seria meramente por explicações fundamentadas em crendices que justificam a morte e chagas que o ser humano ostenta, merecer?
Nascer...para pouco tempo depois de contemplar com olhos ainda sem discernimento, sucumbir e como um anjo impúbere ao esperado "céu" ascender;
Chorar ao nascer...seria simplesmente uma necessidade vital, procedimento normal...ou seria prenúncio de que a este inferno, viemos para perecer?
Anjos que são concebidos, capricho de um estranho destino...faz uma esperançosa mãe sorrir ao seu filho ver...faz esta chorar e querer partir, por aparentemente sem motivos, ver o anjo da morte, seu pequeno tesouro levar para onde a aquilo que se chamou de vida há de escurecer...há de se esquecer;
Pequenos anjos que têm seu destino selado logo após seu breve amanhecer, pessoas que nascem saudáveis...para que ainda que breve e sofrida seja nossa passagem...ainda mais com uma maldita doença tenham de perecer;
Senhor "Deus"...após tantas promessas, após condenações, histórias de milagres e ressurreições...não merecemos sequer uma explicação? Do acaso realmente seremos filhos e mães ainda hão de chorar por assistirem seus pequenos agonizarem e morrer?
Muito obrigado...a humanidade causa seu próprio mal muitas vezes, admito...mas, esta humanidade maldita e mesquinha, em seu livro é dita como parecida com VOCÊ!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.