Visitantes da página

quarta-feira

Questione seus olhos

Duvide daquilo que se parece certo, às vezes a certeza da água que se pede está não em uma fonte vazia, mas em um deserto;
Não acredite sempre em uma mão que se pareça amiga. 
Em momentos de aflição, tudo parece porto seguro...o inferno pode se travestir de salvação;
Duvide de olhos que não enxergam além do concreto, daquilo que parece líquido e certo;
Duvide do que se parece com destino, mas pode te conduzir por um caminho vazio...converter o bom samaritano desiludido em um cretino;
O que se parece salta aos olhos e captura a visão, aquilo que está oculto...será descoberto ouvindo-se aos sábios, com experiência, alguma reticência e observação;
Escute com seus sua audição, dê ouvidos à voz do seu coração;
Às vezes o beijo mais doce tem sabor oculta aquilo que não presta, tem sabor de traição;
Traição que vem dos outros, traição que vem de si mesmo...ao acreditar em um momento de desespero, simplesmente naquilo que fita superficialmente sua limitada visão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário